Um cantinho para chamar de lar

10682024_10204572000250335_1137387136_n

Minha casa não tem muita coisa; tem eu, uma colher de pau e brigadeiro (quer dizer, tinha brigadeiro), porém ela tá sempre cheia; de risadas e conversas, de abraços e desabafos.
Minha casa tem duas camas sem colchão e um sofá apertado. Contudo, o conforto e o aconchego que ela tem é enorme. Digo isso porque toda semana os mais diversos cantos são ocupados por pernas, braços e sorrisos ébrios.
Na cozinha tem 2 ou 3 panelas minúsculas, os talheres mal dão para 4 pessoas, a geladeira sempre está quase vazia, mas de lá saem as comidas mais deliciosas que alimentam quase que um condomínio inteiro.
Na minha casa só mora eu, pelo menos em teoria, porque ela tá sempre abrigando alguéns para quebrar o silêncio, para trazer conforto, para esquentar o frio e fazer desse meu cantinho tão vazio, um lar lotado de amor.

Camila Fernandes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s